Anuncie connosco
Pub
Opinião
Filipe Esménio – Director
Filipe Esménio
Director

Mel de Cicuta

Viver no mundo da Lua

10 de março de 2020
Partilhar

Muitos dos nossos pequenos vivem no mundo da Lua. A minha dúvida é só uma. E não será bom? As crianças têm um mundo invisível, aquele em que a magia acontece, aquele que não tem limites nem barreiras, aquele em que, na verdade, tudo é possível. Mas, quando chamamos a criança pela terceira vez, e obtemos silêncio por três vezes, perdemos a paciência e temos de os chamar a terra.

Alimentar o lado criativo é muito importante, dar tempo e espaço para que a mente dos pequenos voe para terras nunca vistas, onde nós já estivemos, mas, na verdade, já nem nos lembramos. As nossas emoções primárias são muitas vezes projetadas nos nossos filhos, ou pela genética, ou pelo comportamento, mas temos de deixá-los viver as deles próprios. Todos temos medo, todos temos raiva, todos temos alegria, todos temos amor, só temos de aprender a usar cada um deles na dose certa.

Numa era em que profissionalmente, a paixão pelo que se faz, a capacidade criativa, o ter inteligência emocional, ou a proatividade são tão ou mais valorizados que a competência técnica, antes de os trazermos a terra temos de pensar duas vezes. Podemos entrar no mundo deles, navegar pelo espaço, com radar ou GPS, como preferirem, bebendo da fonte deles. Dar espaço e alma ao mundo da lua, sabendo, que aconteça o que acontecer a terra não nos vai fugir debaixo dos pés mas, se lhes cortarmos as asas, eles podem mesmo nunca mais ser capazes de voar.

Em Loures o Carnaval votou. E alimenta este espírito criativo este lado lunático. Voltou em força e com muita folia e muito trabalho e dedicação nesta organização. A Associação de Carnaval de Loures está mais uma vez de parabéns por nos permitir ser uma criança livre, mais uma vez. Milhares de crianças passearam nas ruas de Loures, no Infantado, de dezenas de escolas, associações e IPSS’s que deram corpo ao Carnaval infantil. Os foliões viveram 4 noites de festa, como se deseja por estas alturas.

O S. Pedro ajudou e, com os já famosos cabeçudos a encheram literalmente as ruas, cheios de sátira social e política. Com mais de 2200 participantes e quinze carros alegóricos, o desfile trouxe mais de 150 mil pessoas a uma festividade que engrandece o nome do nosso concelho. Teve inúmeras reportagens televisivas na SIC, RTP, TVI e CMTV, ficando o nosso concelho em grande destaque nacional nesta enorme festa. Assim as asas foram dadas a pequenos e grandes, para que, na verdade, todos saibamos voar.

PS: Este artigo é estupidamente escrito com o novo acordo ortográfico.

Última edição

Gala Notícias de Loures

Gala | Notícias de Loures

Opinião

Eleições

Newsletter