Anuncie connosco
Pub
Opinião
João Alexandre – Músico e Autor
João Alexandre
Músico e Autor

Ninho de Cucos

Cigarettes After Sex

3 de novembro de 2019
Partilhar

Os Cigarettes After Sex , a banda Dream pop de Brooklyn, regressaram no dia 25 de outubro às edições com o lançamento de “Cry”, o seu segundo álbum de originais, através da Partisan Records.

Este disco, ou mais precisamente o seu instrumental, foi gravado numa mansão, na ilha espanhola de Maiorca, em 2017 e de acordo com o comunicado de imprensa, “o álbum é uma meditação exuberante e cinematográfica sobre as facetas complexas do amor.”

Composto por 9 temas que permaneceram instrumentais até ao início do corrente ano, “Cry” inclui o primeiro single, “Heavenly”, cujo o vocalista e guitarrista Greg Gonzalez descreve como “inspirado pela beleza esmagadora que senti ao assistir ao pôr do sol sem fim numa praia isolada na Letónia numa noite de verão.” Com o mote dado pelo crescente amor de um novo relacionamento, Greg completou as letras do álbum sob a influência de filmes de Éric Rohmer e as canções de Selena e Shania Twain, entre outras.

As letras são precisamente o ponto de discórdia relativamente às opiniões dos media sobre “Cry”. Há os que a elas se referem como libidinosos contos de amor focados no sexo e sensualidade de relações melhor ou pior sucedidas e outros, bem mais críticos que destacam o excesso autobiográfico e redundante para quem agora completou apenas 30 anos de vida.

Na verdade, a redoma inspiracional de ambiente musical e temática das letras produz ainda assim um conjunto de canções belas e íntimas que apresentam estes arranjos suaves, calmos, por vezes negros à “Twin Peaks/Julee Cruise” de poucos acordes, baterias e baixos simples e minimais e teclados depressivos a servir de fundo à voz andrógina de Greg Gonzalez, dando sequência à fórmula apresentada no trabalho estreia.

“Don´t let me go”, “Heavenly”, “Cry” e “Falling in love” são temas que eventualmente se evidenciam num álbum que merece a escuta e um estado de alma zen para “entrar na onda”. O álbum foi produzido por Gonzalez e misturado por Craig Silvey (Arcade Fire, Yeah Yeah Yeahs).

Foi anunciada uma digressão mundial para “Cry”, este outono, mas Portugal não está contemplado até ao momento. CigarettesAfterSex

Última edição

Gala Notícias de Loures

Gala | Notícias de Loures

Opinião

Eleições

Newsletter