Anuncie connosco
Pub
Notícias | Social

Artistas da Quinta do Mocho

RAF - RUI ALEXANDRE FERREIRA

1 de outubro de 2016
Partilhar

Biografia do Artista

Rui Alexandre Ferreira (RAF) nasceu em Lisboa, estudou na Escola Artística António Arroio, concluiu os cursos de design de equipamento e realização plástica do espetáculo. Desde muito cedo revelou uma tendência natural para o desenho, mas só aos 16 anos deu sinais de um potencial artístico, começou a pintar, o que se tornaria numa paixão. Não se limitava a pintar apenas sobre tela, a parede do seu quarto serviu de tela durante alguns anos. Mais tarde frequenta ateliês de artistas amigos de seu pai, tais como, o pintor Victor Alves e escultor Luís Cruz, entre outros e, rapidamente é convidado a apresentar três trabalhos de pintura para uma exposição coletiva.

Aos 18 anos, enquanto ia pintando telas, quartos de amigos e lojas surge o convite para reproduzir o mural publicitário da famosa casa “Passagem del terror“, na Feira Popular de Lisboa, o que desperta a atenção da sociedade portuguesa e atrações mecânicas. É então que surge o seu primeiro gran- de projeto - criar e representar todas as pinturas do Parque de Diversões Bracalândia em Braga. Como presente recebeu o seu primeiro aerógrafo, na altura importado de Itália.

O projeto prolongou-se por três anos o que lhe deu uma capacidade de trabalho e muita experiência, principalmente no que toca às técnicas da aerografia e pela oportunidade de trabalhar com artistas das variadas áreas. Mais tarde dedica-se à pintura personalizada, tem as primeiras experiências em capacetes, motos e carros. Na consequência desse fato leva-o a tirar um curso de pintura automóvel para melhorar os conhecimentos técnicos dos materiais, processos de aplicação e acabamento.

Em 1998, ano da Exposição Universal de Lisboa - EXPO98, desenvolveu pinturas de médio formato com o tema da exposição “Oceanos”, expostas no evento num dos bares que viria a ser um dos mais frequentados e badalados da EXPO98. Concorre pela primeira vez ao concurso europeu de pintura, na categoria das Harley Davidson, realizado em Faro, no ano de 1999 (Concentração Internacional de Motos) e alcança o primeiro prémio “Best Paint Harley Davidson“, com o nome de “BIOMEC”.

Naturalmente emergem alguns desa- fios nesta área e surgem outros trabalhos também eles premiados, nomea- damente na pintura personalizada em automóveis e capacetes. Obteve uma menção honrosa no Concurso Lisboa Ambiente com uma pin- tura acrílica sobre madeira realizado no Salão de Exposições da Estufa Fria, em Lisboa. Por curiosidade, e de certa forma por gostar da transformação, alargou os seus conhecimentos na área makeup, caracterização e bodypainting.

Trabalhou em parceria com profissionais de referência nacional e para várias empresas de espetáculos e eventos em geral. Dois anos depois surge o convite para coordenar uma equipa e desenvolver um projeto de pintura e decoração de dois restaurantes e um bar no Pavilhão Africano na EXPO2000, em Hannover na Alemanha, onde aproveitou para expor telas de grande formato. Um ano depois é solicitado a apresentar uma proposta para decoração de interiores de um Bar e Restaurante na Exposição Internacional, em Neuchatel na Suíça.

Paralelamente criava pinturas de mural em lojas, bares, discotecas, eventos ligados à música eletrónica, desenvolvendo efeitos visuais tridimensionais reagentes à luz negra. Nos últimos três anos partilha um espaço amplo com vários artistas, onde se encontra o seu ateliê e onde desenvolve e cria as suas obras. Participou e criou a cenografia e adereços para os vídeoclip dos artistas/ músico/produtor Mastiksoul (com o vídeo clip “Run to cover”) e Dj Diego Miranda, o tema ” Fly”.

Atualmente dedica-se à conceção de ideias para promover marcas em contato direto com o público-alvo nos festivais de arte e música, através de efeitos visuais com um toque de animação/encenação. Paralelamente dedica-se à tatuagem, arte urbana, pintura de telas de grande formato, murais e coordena uma equipa de artistas. Ultimamente tem sido selecionado em concursos promovidos pela Galeria de Arte Urbana. Coordena ainda, uma equipa de artistas em eventos e gere espaço partilha- do para freelencers (Co-work ) multidisciplinar em Lisboa, MU WORKSPACE LISBOA, espaço onde nasceu o projeto Mercado URB _ Arte * Musica * Ideias, já conta com três anos e duas edições.

Biografia da Obra Título

Fish BIOMEC style O facto de os habitantes do Bairro Quinta do Mocho serem, numa grande maioria, Cabo- Verdianos, terra de ilhas e muito mar, lembrei-me de representar um Peixe. As ilhas de Cabo Verde são rodeadas de mar e seres marinhos por todos os lados... o fundo do painel em tons de Azul representa a cor do céu e mar.

Última edição

Gala Notícias de Loures

Gala | Notícias de Loures

Opinião

Eleições

Newsletter