Anuncie connosco
Pub
Notícias | Social

Polícia de Segurança Pública

A SEGURANÇA TAMBÉM COMEÇA EM CADA UM DE NÓS!

6 de janeiro de 2019
Partilhar

Não havendo modelos perfeitos de policiamento e respostas absolutas ou unívocas para os desafios criminais e não criminais com os quais as Polícias se confrontam, impõem-se soluções de geometria variável e aplicadas em regime constante e sistemático, que permitem projetar a capacidade de resposta policial com um mais elevado grau de sucesso na resolução dos problemas da Comunidade que servimos.

Neste sentido, durante o ano de 2018, a Divisão Policial de Loures da PSP tomou iniciativas estruturais e conjunturais nos diversos espetros da banda policial que, implementadas de forma integrada, permitiram alcançar, uma vez mais, metas consolidadas de diminuição drástica da criminalidade geral e da criminalidade violenta e grave nos Concelhos de Loures, Odivelas e Torres Vedras.

Em paralelo, seguindo esta corrente positiva, destacou-se o aumento expressivo da proatividade operacional, a qual atingiu novos máximos históricos e sem paralelo no panorama nacional, em especial no número de detenções, apreensões e identificações de suspeitos de crimes, mormente os mais prioritários e danosos para o sentimento de insegurança das populações.

As grandes alterações estratégicas da Divisão Policial de Loures da PSP poderão ser seccionadas em dois grandes blocos, um virado para projeção do dispositivo policial – front office – e outro centrado na consolidação de metodologias de trabalho internas – back office.

Em relação ao primeiro e sem nunca colocar em crise o processo ordinário de resposta da PSP aos milhares de solicitações diárias, com significativas reduções nos tempos de resposta, foi possível maximizar as capacidades dos polícias que zelam pela segurança dos cidadãos do concelho, nomeadamente:

  • Redimensionamento estrutural da Esquadra de Trânsito, com a criação de equipas de fiscalização especializadas e tecnicamente capacitadas a lidar com toda a espécie de irregularidades no espetro rodoviário;
  • Maximização das equipas que incorporam o Modelo Integrado de Policiamento de Proximidade, dotadas de um Coordenador em cada Esquadra exclusivamente dedicado ao acompanhamento e supervisão das atividades de proximidade, seguindo um modelo de policiamento orientado para os problemas concretos da população.
  • A Divisão Policial de Loures tornou-se na Subunidade da PSP com mais número absoluto e relativo de polícias exclusivamente dedicados ao Policiamento de Proximidade;
  • Estabilização e alargamento da Brigada de Fiscalização Policial, de forma a catapultar-se uma resposta técnica mais capaz e focalizada nas múltiplas áreas contraordenacionais, com especial enfoque no domínio ambiental, desde a segurança animal ao ruído de vizinhança;
  • Introdução de novas heurísticas de trabalho no combate à Criminalidade Violenta e Grave, com a criação de um Gabinete de Reconhecimentos Fotográficos na Divisão Policial de Loures da PSP para efeitos de identificação imediata de autores/grupos de autores de crimes, evitando-se supletivamente a sempre penosa deslocação das vítimas até Lisboa.

No plano mais interno ou estrutural destacam-se:

  • A total informatização de procedimentos e ciclos produtivos, bem como a consolidação de canais de comunicação mais eficientes;
  • A criação de uma unidade de análise de informação policial para monitorização permanente de fenómenos criminais, permitindo a tomada de medidas preventivas;
  • O estabelecimento de reuniões multidisciplinares sistemáticas para uma coordenação mais harmoniosa de todas as valências de intervenção da PSP, em especial o Policiamento de Proximidade, o Trânsito e a Investigação Criminal, numa lógica de Policiamento Orientado pelas Informações (intelligence led policing), o que apoia decisivamente a afetação de esforços policiais de forma mais focalizada, rentabilizada e adequada a cada uma das necessidades locais;
  • Articulação simbiótica com as estruturas municipais e demais intervenientes locais, visando aligeirar e mitigar problemáticas no contexto da insegurança e no palco da prevenção situacional.

Sem nunca repousar em sucessos passados, a Divisão Policial de Loures da PSP projeta-se para o futuro, procurando consolidar a tendência de diminuição da criminalidade e o aumento da proatividade policial.

Todavia, importa também, em conjunto com todos os seus parceiros locais, em especial os políticos e sociais, ajustar cada vez mais e melhor a perceção que a Comunidade tem perante o ambiente de real e sustentada segurança que se vive nos Concelhos de Loures, Odivelas e Torres Vedras, sem que se fomentem injustificadamente receios e mitos que, in fine, nada e ninguém servem…

… e ter sempre presente que A SEGURANÇA TAMBÉM COMEÇA EM CADA UM DE NÓS!

Última edição

Gala Notícias de Loures

Gala | Notícias de Loures

Opinião

Eleições

Newsletter