Anuncie connosco
Pub
Notícias | Economia e Emprego

Terceira edição do Sunset Moscavide

O pôr-do-sol que já é imagem de Moscavide

1 de outubro de 2016
Partilhar

A terceira edição do Sunset Moscavide solidificou definitivamente o papel da festa como polo de atração de visitantes de dentro e fora do Concelho. Experiência das edições anteriores melhorou organização do evento.

Mais do que uma festa, o Sunset Moscavide é já uma marca da freguesia de Moscavide e Portela, atraindo milhares de pessoas de dentro e fora do concelho de Loures. A fórmula parece funcionar e a Avenida de Moscavide enche-se de convivas que, ora petiscam, ora compram qualquer coisa, ora param para dois dedos de conversa com alguém que não veem há uma década. Foi assim no passado dia 10 de setembro, pela ter- ceira vez.

OPINIÕES

Juan nasceu no outro lado do mundo, mas mudou-se para Moscavide há três anos e repetiu a visita ao Sunset para apreciar a festa. Natural da Argentina, Juan estava agradado com a evolução do certame: «Penso que, este ano, a festa tem mais barraquinhas de venda e mais pessoas na rua. Está francamente melhor do que nos outros anos, com mais ambiente, mais gente e mais animação». Fã das lojas e dos petiscos, Juan admitiu estar a «gostar muito», sobretudo do «espetáculo no palco da igreja».

Por entre insufláveis e carrinhos de gin, encontrámos Ana Leal, artesã de profissão e presença habitual em festas desta natureza. «Venho a estas feiras vender as peças que faço e tenho vindo sempre ao Sunset Moscavide», explica. «Penso que a edição deste ano está melhor que, todos os anos, têm melhorado as condições para toda a gente» admite Ana Leal. Esperando estar também presente na edição do ano que vem, a artesã considera que este tipo de eventos «chama muita gente», adicionando que «as pessoas da zona já conhecem o Sunset Moscavide, porque tem havido mais publicidade, o que também tem atraído visitantes de fora da região».

Catarina Ferreira é daquelas profissionais que não perde uma ocasião para passar a sua marca. Convidada para estar no Sunset Moscavide 2016, a responsável do Centro de Estudos Templo do Conhecimento não deu o seu tempo por perdido e aprovei- tou para distribuir panfletos, semeando para mais tarde colher os frutos. «Tem vindo a compensar a nossa participação no Sunset, porque as pessoas ficam a saber onde estamos», explica Catarina Ferreira.

«Desde que o Sunset foi feito, cada vez mais pessoas vão à nossa procura, porque sabem que damos explicações nas nossas instalações, pelo que este é um evento muito bom para fazer passar a nossa marca», sustenta. Além de distribuir publicidade, a responsável aproveita o dia para fazer promoções, dar cartões-de-visita e tentar saber o que faz a concorrência. «Criamos produtos diferentes e tentamos ter ideias novas e iniciativas que vão ao encontro das necessidades das pessoas», detalha. «Aqui, temos o ‘feed-back’ dos clientes, por isso é que este evento é tão importante para nós, ajudando a criar produtos que vão de encontro ao que procuram», revela.

MELHORAR COM A EXPERIÊNCIA ADQUIRIDA

A experiência das duas edições anteriores, deu à Junta de Freguesia de Moscavide e Portela os «inputs» necessários para ir melhorando a iniciativa. Talvez por isso, esta edição tenha corrido melhor do que no ano passado, segundo a presidente Manuela Dias. «Penso que o número de visitantes foi semelhante, mas a população que veio tinha maior poder de compra», adianta.

«Os lojistas garantem-me que houve menos passeio de rua e mais entrada de loja e penso que, desta vez, acertámos em cheio nos gostos musicais de quem estava assistir, muito graças à aposta na DJ Joana Perez», conta Manuela Dias. O Sunset tem já nova edição marcada para 2017, até porque o evento pode potenciar a imagem da vila de Moscavide. «Moscavide é isto mesmo, é receber as pessoas com generosidade e com muita alegria, pelo que esta iniciativa é uma forma de marcar a vila na zona oriental do concelho de Lisboa e ocidental do concelho de Loures», defende a presidente.

André Julião

Última edição

Gala Notícias de Loures

Gala | Notícias de Loures

Opinião

Eleições

Newsletter