Anuncie connosco
Pub
Notícias | Atualidade

Corpo Nacional de Escutas

ESCUTISMO EM CASA

3 de maio de 2020
Partilhar

O Corpo Nacional de Escutas é uma instituição reconhecida de Utilidade Pública pelo Governo, sendo a sua missão contribuir para a educação dos jovens através de um sistema de valores baseado na Promessa e Lei Escutista.

Todos os dias mais de 50 milhões de escuteiros espalhados pelo mundo ajudam a construir um mundo melhor através do desenvolvimento de sociedades mais justas e pacíficas.

O escutismo tem por base as chamadas oito maravilhas, sendo as mesmas a vida na natureza, a relação educativa, o sistema de progresso, a Lei e Promessa, a mística e simbologia, o aprender-fazendo, o sistema de patrulhas e o envolvimento na comunidade.

As circunstâncias em que vivemos hoje obrigam-nos a realizar diversas adaptações àquilo que é o nosso quotidiano e as nossas rotinas. Contudo, o Escutismo não está parado. A associação e os agrupamentos (grupos locais – existem cerca de 1.100) têm-se adaptando muito bem e de forma bastante positiva, fazendo escutismo em casa. Nesta conformidade, todos temos vindo a realizar diversas adaptações e a alterar a forma como interagimos, de modo a mantermos e a reforçarmos os laços que nos unem.

Arealidade de hoje que os mais de 70 mil escuteiros portugueses vivem é completamente diferente da habitual e foi nesse sentido que o CNE se adaptou e criou um site, o Escutismo em Casa, cuja consulta aconselho. 

Começou-se assim por lançar a iniciativa “17 Dias, 17 ODS”, visando não só a sensibilização dos escuteiros para a importância dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), como também a impelir à ação de todos para o cumprimento da Agenda 2030 das Nações Unidas. Durante 17 dias foi celebrado cada um dos ODS, convidando todos os escuteiros a realizar uma ação diária em prol do mesmo, oferecendo três sugestões por dia. Foi assim possível aos milhares de jovens e crianças sentirem-se úteis e praticarem a sua boa ação diária, ainda que em casa.

Hoje, o site conta com várias dinâmicas como a “Quarentesma”, Eucaristia à distância ou kits de como fazer compras. É possível também seguir o registo do que tem sido feito no que diz respeito ao apoio à mitigação, contando já com 609 escuteiros em operações de apoio a 97 ações distribuídas pelo país inteiro. Outra dinâmica que existe são as tertúlias, uma conversa em modo conferência que visa a sensibilização e a partilha desta realidade com a chegada do Covid-19. O tema de uma das últimas tertúlias foi “Crianças e jovens em casa - como podemos ajudar?” que contou com a presenças do Secretário de Estado Adjunto e da Educação João Costa, um professor universitário e uma psicóloga. Todas estas dinâmicas têm ajudado escuteiros a fazer escutismo em casa, saindo desta rotina que pode ser monótona e ao mesmo tempo a ajudar as famílias.

Com aproximação do aniversário do Corpo Nacional de Escutas, foi lançada a atividade ACANTONAC, o primeiro acantonamento nacional, um género de acampamento em casa que juntará os milhares de escuteiros no fim de semana de 22 a 24 de maio. Os escuteiros terão a oportunidade de participar em conjunto, ainda que a partir dos abrigos que construirão nas suas casas, em ateliers, tertúlias ou workshops. Este ACANTONAC contará certamente com muita animação e esta será uma forma diferente de celebrar o 97º Aniversário do Corpo Nacional de Escutas.

A realidade em Loures também tem sido alvo de adaptação. Muitos agrupamentos têm vivido algumas destas dinâmicas propostas, tendo estado também, por outro lado, a ajudar aqueles que mais precisam com diversos parceiros locais. Muitas crianças e jovens do nosso concelho estão a participar na iniciativa lançada pelo CNE “Cerco de Mafeking”, tendo a mesma como objetivo dar a conhecer o Cerco de Mafeking, de onde viria a surgir o Escutismo com o seu fundador Lord Baden-Powell, promover as reuniões escutistas em plataformas digitais nesta altura, promover o intercâmbio entre crianças e jovens de diferentes partes do país que se encontram na mesma situação e dinamizar os seus cargos. Já são algumas centenas os grupos inscritos pelo país todo e Loures tem marcado a diferença ao participar ativamente nesta atividade e seus desafios propostos.

Por outro lado, o Agrupamento 1401 – São Pedro de Lousa do nosso concelho venceu alguns dos desafios propostos aos mais de 100 agrupamentos da iniciativa 17 Dias,17 ODS.
Temos vivido uma realidade de adaptação e o escutismo tem sido um exemplo nestes dias, deixando o mundo sempre um pouco melhor do que o encontrou.

Última edição

Gala Notícias de Loures

Gala | Notícias de Loures

Opinião

Eleições

Newsletter